O Caminho Mais Curto Entre Dois Pontos

Mas não necessariamente o mais rápido.

O meu caminho ficou bem definido muito cedo. Ia estudar, ter boas notas, tirar o curso de Medicina Dentária, e viver uma vida confortável a fazer um trabalho interessante. Ponto A. Linha recta. Ponto B.

Excepto que não foi bem assim. A meio da linha recta, consegui ver o Ponto B. E os pontos C e D e E e F e por aí a diante. Mas a velocidade não era a que eu queria.

Foi preciso passear um bocado. Foi preciso sair da linha recta. Dar uma curva. Isso torna o caminho a percorrer mais longo. Mas a coisa boa das curvas, é que – se não forem demasiado largas – ajudam a acelerar.