A Máquina Do Tempo I

Não é possível construir uma máquina do tempo.

Se fosse, já a teríamos. 

A partir do momento em que uma máquina do tempo existir, vai ser utilizada vezes infinitas. Se algo é utilizado vezes infinitas, mais tarde ou mais cedo, por intenção ou acidente, já teria vindo parar às “nossas” mãos. Ou dos nossos antepassados. 

A outra possibilidade é: a partir do momento em que alguém voltar atrás no tempo, cria um novo universo. O que significa que, para os propósitos práticos de comuns mortais como nos, que habitam exclusivamente este universo… Não existe nem nunca existirá uma máquina do tempo.

A terceira possibilidade é que a máquina do tempo, e quem a utiliza, não havia a mesma realidade que nós, não é perceptível de alguma forma.

Mais acerca disso num próximo escrito…