Practicar por Diversão

É bom estar sempre a praticar, praticar todos os dias, mas que não seja sempre trabalho. O artesão mantém suas ferramentas afiadas, divertindo-se. 

Leva isto em conta na tua própria arte – volta a divertir-te com ela, em vez de o fazeres constantemente por responsabilidade e em prol de grandes projetos. 

A tua arte pode ser séria e divertida ao mesmo tempo, e de facto deve ser, se ambicionas atingir qualquer nível significativo de habilidade.

“Brincar” é uma forma de conhecer melhor e ganhar prática com as ferramentas do ofício.